Semec e Sindicato dos Comerciários reforçam parceria

Nesta sexta-feira (3), a Secretaria Municipal de Educação (Semec) e Sindicato dos Comerciários reafirmaram o compromisso com os Centros Municipais de Educação (CMEI). Uma reunião no CMEI Joel Mendes serviu para fortalecer a oferta de vagas para os filhos dos comerciários.

“Nosso foco foi reafirmar as parcerias entre os CMEIs (Joel Mendes e Thereza Christina) que são “irmãos”. Foi de suma importância a vinda do Secretário ao nosso encontro para fortalecermos ainda mais essa interação entre CMEI, SEMEC e Sindicato”, destaca a diretora Fabiana Cruz, do CMEI Joel Mendes.

“Sem dúvida é de suma importância essa parceria e disponibilidade de centros infantis que possam atender as crianças. Nossa proposta é oferta mais vagas. Contudo, depende também de espaço e de profissionais. O prefeito Dr. Pessoa tem o compromisso de alcançar mais desenvolvimento para a educação municipal”, ressalta o secretário Nouga Cardoso.

De acordo com Rosário Assunção, Secretária de Mulheres do Sindicato, a realidade das mães mudou bastante após o surgimento dos CMEIs de tempo integral e isso já é perceptível no novo perfil das mães comerciárias. “Após nossa imensa luta, enfim temos uma realidade de poder ajudar as mães comerciárias, temos muito a alcançar, pois sabemos que ainda não conseguimos atender a toda demanda. Nossa parceria veio para ficar e juntos iremos conquistar novos espaços para atender mais mães. Agradecemos a receptividade da SEMEC em sempre nos receber e demonstrar total interesse em nossas causas”, reafirma Rosário Assunção.

O secretário Nouga Cardoso estava acompanhado do secretário executivo de Ensino, professor Kleytton dos Santtos e do coordenador do Grupo de Trabalho Programa de Desenvolvimento da Educação da Semec, professor Reynaldo Ximenes, que participaram de um café da manhã no CMEI Joel Mendes. Na oportunidade esteve presente também a diretora do CMEI Thereza Christina, professora Raimunda Soares.

Arte e Integração: Alunos do Curso de Libras encerram suas atividades de 2021

Alegria e emoção contagiaram todos os presentes durante o encerramento das atividades da Turma de Libras de 2021, que iniciou na última quinta-feira (2) e seguiu em homenagem aos alunos participantes do projeto até esta sexta-feira (3), no Centro de Formação Odilon Nunes – CEFOR.

Com muito amor, dedicação e todos os cuidados necessários, os alunos dos níveis básico, intermediário e avançado realizaram expressivas apresentações teatrais, recitais de poesias, dentre outras performances artísticas que transmutaram todo o conhecimento e a dos alunos que já são sinalizadores do segundo idioma oficial do Brasil no palco do CEFOR.

A professora formadora Josy Silva, docente responsável pela turma de práticas avançadas e bilíngues, em parceria com a professora Ludmilla Venâncio, falou sobre sua percepção do primeiro semestre de atividade do curso e de seu impacto dentro da comunidade escolar. “Por conta da vigência da lei que reforça o direito do atendimento ao aluno surdo na sua língua materna, as inscrições dos cursos foi um sucesso. É indispensável que os professores se aprimorem não só da língua dos alunos surdos, mas também de sua cultura, pois uma boa comunicação é indispensável para um aprendizado de excelência. Juntamente com a professora Ludmilla, ofertamos em nossa turma de práticas avançadas, as práticas bilíngues, focadas não só em aprender LIBRAS, como também aprender a metodologia”, pontua.

O secretário municipal de Educação, Professor Nouga Cardoso, acompanhado do Secretário Executivo de Ensino, professor Kleytton dos Santtos e do coordenador do Grupo de Trabalho Programa de Desenvolvimento da Educação da Semec, professor Reynaldo Ximenes, prestigiaram o encerramento do curso.

“Conhecer LIBRAS é eliminar barreiras de comunicação entre ouvintes e surdos, sendo este passo necessário em prol do desenvolvimento socioafetivo e cognitivo dos mesmos. Com a capacitação, os profissionais terão como atender melhor os estudantes com deficiência auditiva e promover uma escola pública cada vez mais inclusiva”, afirma o secretário Municipal de Educação.

A coordenadora da Divisão de Educação Inclusiva da Semec, Amanda Kárdia, disse que novas turmas deverão ser ofertadas em 2022. “Nosso objetivo é qualificar nossos docentes e comunidade”, ressalta Amanda.

SOBRE O CURSO

Em julho de 2021, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) ofertou 240 vagas para o curso de Libras, destinado aos servidores públicos das áreas da Educação, Saúde e Segurança da Prefeitura Municipal de Teresina com intuito de disseminar e capacitar os servidores para uma comunicação eficientemente inclusiva. O curso aconteceu inicialmente à distância, no formato remoto e posteriormente na modalidade híbrida, respeitando todos os protocolos de segurança. Com previsão para retorno presencial de suas atividades totalmente presenciais em 2022, para se inscrever ou ter mais acesso às informações dos cursos realizados em parceria com e  Secretaria Municipal de Educação, confira nossos meios de comunicação oficial.

SEMAM e SEMEC firmam parceria com universidades e faculdades em Teresina

Fonte: Ascom PMT

A Prefeitura de Teresina anunciou mais uma boa notícia para a Educação e o Meio Ambiente na capital. Através da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMAM), em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SEMEC), foi firmado um novo convênio junto às universidades e faculdades particulares de Teresina. As secretarias farão um trabalho na área de educação ambiental e saúde, envolvendo os estudantes das universidades e os alunos da rede pública municipal de ensino.

“Esse é um olhar especial que o nosso prefeito Dr. Pessoa tem e nos orienta como secretários a estabelecer cada vez mais parcerias que beneficiem a população. É importante porque essa é uma parceria de mão dupla, beneficiando a faculdade, que vai poder ofertar seu curso regularmente, desenvolvendo atividades com os entes municipais. Além de levar parcerias que auxiliam na formação de nossas crianças dentro das escolas do município”, destacou Nouga Cardoso, secretário municipal de Educação.

Segundo a secretária do Meio Ambiente, Elisabeth Sá, essa parceria será de grande importância e contribuição para o fortalecimento da política de educação ambiental em nosso município. “Precisamos cada vez mais unir esforços em prol do Meio Ambiente. E levar informação para dentro das escolas vai criar desde cedo conscientização para nossas crianças”, afirmou.

Elisabeth explica ainda como vai funcionar a parceria. “Por exemplo, os alunos do curso de odontologia vão até as escolas da rede municipal para ensinar os cuidados básicos com a higiene pessoal, certo? Mas também vão orientar sobre os cuidados que devemos ter com o Meio Ambiente. A criança vai escovar os dentes, vai lá e fecha a torneira. São cuidados básicos que têm impactos diretos na nossa saúde e no nosso planeta. Isso é ter consciência ambiental e é isso que queremos ensinar dentro das salas de aulas em Teresina”, pontuou.

Escolas municipais de tempo integral farão exposição dos trabalhos artísticos de 2021

As produções de artes das 22 escolas municipais de tempo integral em 2021 serão compartilhadas no IV FESTHE – Festival Estudantil de Teatro de Teresina e Mostra de Resultados das Escolas de Tempo Integral. O evento acontecerá no dia 7 de dezembro, no Theatro 4 de Setembro.

O evento vai reunir trabalhos de dança, teatro, desenho, música e protagonismo juvenil, as disciplinas do Núcleo Diversificado ofertadas nas unidades de ensino que funcionam com jornada ampliada. O Festival e a Mostra, organizados pela Secretaria Municipal de Educação (Semec) com as escolas, promove integração entre os alunos e valoriza o que foi produzido durante o ano.

De acordo com a coordenadora das escolas de tempo integral da Semec, Regina Soares, mesmo em um período difícil de pandemia, com aulas à distância, alunos e professores fizeram um trabalho digno de exposição. As apresentações teatrais serão no turno da manhã. Já à tarde, a Galeria do Clube dos Diários e a Sala Torquato Neto recebem vídeos de dança, música, projetos de protagonismo juvenil e desenhos produzidos pelos alunos.

“Os espetáculos e exposições proporcionarão múltiplas aprendizagens, participação cidadã, protagonismo juvenil e atitudes voltadas para o interesse social, contribuindo de uma formação integral. Um evento gratuito e que encerra um ano de superações”, disse a coordenadora Regina.

Teresina teve 89 alunos de escolas municipais medalhistas em competição nacional de astronomia

A Agência Espacial Brasileira e a Sociedade Astronômica Brasileira divulgaram os nomes dos medalhistas da 24ª Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA) e 15ª Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG). Em Teresina, 89 alunos de escolas municipais foram premiados competindo com estudantes de grandes escolas públicas e privadas.

A OBA e a MOBFOG são olimpíadas científicas que mobilizam alunos do Ensino Fundamental e do Ensino Médio de todo o país. O objetivo é incentivar o estudo e pesquisa da astronomia, descobrindo jovens talentos. Este ano, a preparação dos estudantes aconteceu de forma online.

No Programa Cidade Olímpica Educacional, da Secretaria Municipal de Educação (Semec), a turma participou de aulas, revisões e simulados no formato remoto. Os professores montaram um material de estudo exclusivo para essas competições, com programação aplicada também para os alunos de escolas municipais que não participam do Programa, mas toparam competir.

Foram 34 medalhas de ouro, com destaque para a Escola Municipal Nossa Senhora da Paz, com nove alunos premiados. “Estamos bastante orgulhosos desse resultado, fruto de um trabalho de dedicação dos alunos e apoio dos professores, que sempre acreditam no potencial dos nossos estudantes. Esse foi um excelente resultado a nível nacional, competindo no mesmo nível de alunos da rede privada”, disse o secretário executivo de Ensino da Semec, Kleytton dos Santos.

 

Escola Municipal Casa Meio Norte agora conta com Sala Virtual para os alunos

A Escola Municipal Casa Meio Norte é a terceira unidade de ensino da Rede Municipal de Teresina a ganhar uma Sala Virtual para contribuir com o aprendizado tecnológico dos alunos. A inauguração do espaço aconteceu nesta quarta-feira (01), com a presença de diversas autoridades, entre elas o prefeito Dr. Pessoa e o secretário municipal de Educação, Nouga Cardoso.

A sala é equipada com 15 tablets dos 5 mil encontrados obsoletos nos depósitos da Semec. Os equipamentos estão sendo recuperados e encaminhados aos poucos para as escolas. Mais quatro unidades de ensino já estão prontas para receber os tablets no próximo ano. “Essa iniciativa permite igualdade de acesso à informação para nossos alunos da escola pública, formando uma nova realidade tecnológica”, disse o secretário Nouga.

Dr. Pessoa destacou a importância da educação para a formação de jovens conscientes e agradeceu a parceria com o Grupo Meio Norte, que investe na escola junto com a Prefeitura. “Quanto mais investimento melhor, traz benefícios para a comunidade. Esses alunos não podem desistir, e ter a tecnologia dentro da escola também ajuda nisso”. O prefeito aproveitou para anunciar a construção de uma escola modelo em Teresina, que atenderá alunos desde a Educação Infantil ao Ensino Superior. “Quis ser prefeito para fazer mais pela vida das pessoas”, disse ele.

A diretora da escola, Osana Santos, e a articuladora do Grupo Meio Norte, Rutinéia Lima, agradeceram a visita do grupo e mostraram as obras da ampliação que em breve permitirá receber um número maior de estudantes. O aluno Pedro Henrique fez um agradecimento oficial pela nova Sala Virtual. “Estamos muito felizes, vai contribuir bastante com nossos estudos”, finalizou.

Escola Municipal Poeta Da Costa e Silva realiza projeto Consciência Negra

Alunos da Escola Municipal Poeta Da Costa e Silva, localizada no Residencial Jacinta Andrade, zona norte de Teresina, realizaram durante todo o mês de novembro diversas atividades de reflexão sobre o enfrentamento ao racismo, com temáticas como cultura afro-brasileira, representatividade e diversidade. O objetivo é contribuir para a conscientização de crianças e adolescentes sobre suas ações e, assim, desenvolver relações mais equitativas na sociedade.

A culminância do projeto Consciência Negra ocorreu na última terça-feira (30/11), com apresentações de danças, músicas, representação da culinária e cultura afro-brasileira. Alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental participaram ativamente das atividades, que contou com o empenho de todos os professores e apoio pedagógico, além da direção da escola.

Foram realizados ainda duas palestras. A primeiro delas foi sobre o Racismo no Brasil, proferida pelo Professor Mestre Wanderson Ramonn Pimentel Dantas, da Universidade Federal do Piauí (Ufpi). Já a segundo teve como tema “Consciência Negra e sua história de luta no Brasil”, com o também Professor Mestre da Ufpi, Douglas Bezerra.

Profissionais da licenciatura podem participar da I Jornada CREF Integra

Profissionais da Rede Municipal de Ensino que atuam na área da licenciatura podem participar do 4º ciclo da “I Jornada CREF Integra”, promovida pelo Conselho Regional de Educação Física do Piauí (CREF 15), que ocorre no dia 11/12, no Blue Tree Hotel. A Secretaria Municipal de Educação (Semec) apoia o evento.

Os interessados podem realizar a inscrição até 08/12 através do link: http://www.eventos.inforgeneses.com.br//inscricao_semana/index.php?ei=Hba6zIPAPTEVky7aJ5OWhe_2q7o3tCiLQ5dT0nAtH-TDggWp2L5&evi=Ts0x5VxIQP1zFvntiYzU1MvpKLfH6RiK7mPg-V

O evento terá duas palestras: Educação Física Escolar e o Guia de Atividade Física para a População Brasileira”, que será ministrada por Valter Cordeiro Barbosa Filho; e Literacia Física no ensino da Educação Física Escolar, com Antônio Ricardo Catunda de Oliveira.

Em virtude da pandemia de Covid-19 as vagas serão limitadas.

 

#nome{ width: 49%; float: left; }