José Marcelo, 17 anos, é mais um novo bailarino profissional descoberto em uma escola municipal de Teresina e formado na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. Essa foi a 14ª formatura de Dança Clássica da única filial do Teatro Bolshoi de Moscou, entregando 21 novos bailarinos com certificados de profissionais da dança.

A turma de formandos é composta por jovens de todo o Brasil e de outros três países, que enfrentaram o desafio de morar em uma nova cidade, Joinville (SC), longe da família, com uma rotina regrada e muito esforço para manter a bolsa de estudos. Um deles é o piauiense José Marcelo, selecionado para fazer parte do projeto quando ainda era estudante da Escola Municipal Velho Monge, aos 9 anos de idade. Em 2013, o menino embarcou para uma nova vida em Santa Catarina, onde aprendeu muito mais que dança. Agora formado, agradece o apoio que teve durante todos esses anos.

“Aprendi a ter maturidade e disciplina, essa oportunidade abriu as portas do mundo para mim. Só tenho a agradecer todos que me apoiaram nessa caminhada, inclusive a Secretaria Municipal de Educação (Semec), que nos manteve com a parceria e me ajudou a chegar até aqui”, declarou o bailarino.

José Marcelo é o sexto aluno oriundo de escola municipal e formado pelo Bolshoi. Seguindo os passos dos colegas, que logo foram contratados por companhias de balé ou são professores de dança, José Marcelo foi convidado para compor a Companhia Jovem da Escola Bolshoi logo após sua formatura.

Amparo Veloso, responsável por acompanhar o projeto na Semec, vibrou com a formatura do menino. “Ele é exemplo de determinação e força, enfrentou muitos obstáculos, mas chegou onde está porque sempre quis ser um grande bailarino. Toda a equipe de Teresina ficou muito feliz com essa conquista”, disse Amparo, que faz questão de acompanhar a carreira profissional de cada bailarino formado.

A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil

A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil é a única filial do Teatro Bolshoi de Moscou e tem transformado vidas de crianças e jovens. A sua missão é formar artistas cidadãos, promovendo e difundindo a arte e educação. Seus 214 alunos, vindos de 21 Estados do Brasil, em sua maioria, provenientes dos estratos menos favorecidos da sociedade, recebem gratuitamente estudo e benefícios que garantem uma formação de excelência, e proporciona um futuro mais digno.

A Escola é uma instituição, com personalidade jurídica, de direito privado, sem fins lucrativos, que tem apoio da Prefeitura Municipal de Joinville, do Governo do Estado de Santa Catarina e dos chamados “Amigos do Bolshoi”, empresas e pessoas físicas socialmente responsáveis que apoiam o projeto através de serviços prestados e patrocínios não incentivados ou incentivados por leis de incentivo a cultura municipal, estadual e federal.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).

#nome{ width: 49%; float: left; }