Semec renova parceria com Associação de Badminton do Grande Dirceu

Fomentar o desenvolvimento do Projeto Badminton dentro da Escola Municipal Parque Itararé, localizada na zona Sudeste de Teresina, atendendo alunos e egressos da rede pública de ensino e comunidade circunvizinha. Este é o objetivo da parceria firmada entre a Secretaria Municipal de Educação (Semec) e a Associação de Badminton do Grande Dirceu – ASBAGDI.

“A renovação do projeto é um novo gás para a equipe, além de proporcionar para alunos da escola e comunidade uma atividade que contribui positiva e significativamente na vida dos participantes, nos dá novas energias para continuar o trabalho com as crianças e jovens”, diz o técnico Fernando Vieira.

Neste ano novos alunos fazem parte do projeto. Hoje (22), 24 atletas embarcaram para Curitiba (PR) para participarem do segundo desafio da equipe neste ano, a 3ª Etapa do Circuito Nacional de Badminton 2022, que acontece até o próximo dia 26. Ao todo, 416 atletas, sendo 253 masculinos e 163 femininos, estarão em quadra disputando 697 partidas defendendo as bandeiras de 46 clubes, de 11 estados brasileiros, nas categorias Sub-11, Sub-13, Sub-15, Sub-17, Sub-19 e Adulto, valendo pontuação para o ranking nacional.

“Esta parceria visa proporcionar o fortalecimento do elo escola-comunidade e a melhoria do desempenho escolar das crianças e jovens da comunidade em que a escola está inserida. O esporte é, sem dúvida, um aliado no desenvolvimento do ser humano e a Semec está sempre buscando meios de incentivar a prática das mais diversas modalidades”, conclui o secretário municipal de Educação, Nouga Cardoso.

Dr. Pessoa regulamenta plano de carreira dos professores de Tempo Integral de Teresina

Fonte: Semcom

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinou, nesta quarta-feira (22), o decreto que regulamenta os critérios objetivos para a concessão do Tempo Integral Definitivo (TID) da jornada de trabalho aos professores da rede municipal de ensino.

“É uma reivindicação antiga, que nunca tinha sido atendida pelas gestões anteriores. Isso é um benefício que os servidores poderão levar para a aposentadoria. Essa é mais uma questão que estamos resolvendo, além das outras já realizadas e as que estão por vir, pois a educação é uma prioridade da nossa gestão”, enfatizou Dr. Pessoa.

O decreto de concessão da TID faz valer a Lei nº 2.972, de 17 de janeiro de 2001 (Estatuto e o Plano de Cargos e Salários do Magistério Público da Rede de Ensino do Município de Teresina), que disciplinava o assunto, mas não era respeitado. Atualmente, é preciso renovar, anualmente, o Tempo Integral Provisório da jornada de trabalho dos professores.

“Essa é uma ação de valorização e respeito aos professores da capital, que tão bem prestam seus serviços educando nossas crianças. Apesar da lei ter sido criada, ela nunca tinha sido regulamentada e não alcançava a todos. Com o decreto, o prefeito estende esse direito de forma isonômica”, pontuou Nouga Cardoso, secretário municipal de Educação.

O decreto estabelece alguns requisitos para que professores pleiteiem a mudança da jornada de trabalho, de 20 horas para 40 horas semanais. Neste caso, por exemplo, será necessário ter cumprido Tempo Integral Provisório (TIP) por um período de 24 meses seguidos ou 36 meses intercalados.

Além de autoridades e gestores públicos, a solenidade realizada no Salão Nobre contou com a presença de diversos professores da rede municipal. “Para nós, é um símbolo de reconhecimento. Estamos felizes e agraciados com essa atitude da administração municipal”, disse Jucival Sousa, presidente da comissão dos professores que pleiteiam o TID.

Alunos são acompanhados por psicopedagogo no contraturno da Escola Municipal Laurindo de Castro

Para reforçar o aprendizado que os alunos vivenciam na sala de aula regular, a Escola Municipal Laurindo de Castro, localizada no Povoado Boqueirão, também recebe alunos de outras unidades de ensino para o Atendimento Educacional Especializado (AEE). Essa é uma das ações de educação inclusiva da Rede Municipal de Teresina.

No AEE são atendidos alunos com deficiência e que precisam de um apoio a mais para acompanhar o ritmo da turma. O serviço é realizado por um profissional especializado, que passa por capacitações frequentes, e acompanha o desenvolvimento de cada criança.

Na região do Boqueirão, a E.M. Laurindo de Castro é uma escola núcleo, ou seja, recebe estudantes de mais quatro unidades de ensino no contraturno escolar. São elas: E.M. Campestre Norte, CMEI Santa Teresinha, E.M. Hermelinda de Castro e E.M. Santa Filomena. O trabalho é desenvolvido pelo psicopedagogo Francisco Santos.

“Nossos alunos especiais, e também das escolas adjacentes, precisam de atendimento individual e especializado, recebemos os pequenos no contraturno com muito carinho. O professor Francisco realiza esse trabalho com dedicação, levando ao desenvolvimento dos alunos em diversos aspectos”, destaca a diretora da E. M. Laurindo de Castro, Raimunda Resende.

Pedagogo da Rede Municipal lança livro sobre docência e cultura escolar

O Salão do Livro do Piauí 2022 abriu portas para escritores piauienses exibirem seus trabalhos e compartilharem conhecimentos com o mais variados públicos. Carlos Pádua, pedagogo da Rede Municipal de Teresina, aproveitou esse espaço para lançar seu livro “Inserção na docência e cultura escolar: ressignificando o ser professor”.

Carlos atualmente é formador do Núcleo de Tecnologia Educacional de Teresina (NTHE), vinculado à Secretaria Municipal de Educação (Semec). Sua obra lançada este ano no SaLiPi foi construída junto com Antonia Dalva e é um convite a reflexão sobre o professor iniciante e a aprendizagem da cultura escolar.

“Lançamos o livro durante o Bate-Papo Literário, momento muito especial, de uma boa conversa sobre o tema e incentivo aos novos escritores”, disse Carlos Pádua.

#nome{ width: 49%; float: left; }