Escola Municipal Júlio Lopes Lima elege conselho escolar e fiscal

Agora a Escola Municipal Júlio Lopes Lima, localizada no Residencial Torquato Neto, conta com o apoio de um conselho escolar e fiscal, composto por representantes de todos os segmentos da comunidade escolar. A eleição contou com ampla participação dos alunos e famílias, com voto secreto.

Os conselheiros possuem papel fundamental no gerenciamento, coordenação e fiscalização das ações da escola, tanto no âmbito administrativo quanto pedagógico. Na prática, todas as decisões da gestão devem passar pela análise do coletivo, que vai cumprir o mandato de dois anos.

“Estamos sempre ativos no bom andamento das funções de nossa escola e sabemos que um conselho atuante pode fazer o melhor pela educação na nossa comunidade”, afirma a diretora Susana Paz.

Fábrica paulista apresenta projetos para construção de 15 escolas em tempo recorde e tecnologia inovadora

Com informações da PMT

A empresa Taec Módulos, cuja fábrica está localizada em Pirajuí (SP), apresentou nesta sexta-feira (27) ao prefeito Dr. Pessoa projetos para a construção de até 15 escolas, creches e/ou bibliotecas, por meio da tecnologia de modulados. Os secretários de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Edmilson Ferreira; de Educação, professor Nouga Cardoso; e de Planejamento, João Henrique Sousa, estiveram presentes, juntos com suas equipes de engenheiros, arquitetos e demais técnicos.

O prefeito Dr. Pessoa agradeceu a apresentação e afirmou estar aberto a tratativas com a empresa. “Na nossa gestão, a empresa que quiser investir em Teresina terá sempre as portas abertas. Nós fazemos questão de gerar emprego, renda e movimentar nossa economia. Além disso, a educação é nossa prioridade e é nossa meta entregar novas escolas este ano”, declarou o gestor.

Os projetos foram apresentados pelo gerente geral de Negócios com o Governo da Taec Módulos, Douglas Webler. Ele citou que a construção modular cresce 5,75% ao ano no mundo. “Esse crescimento ocorre porque a construção de modulados acontece em ambiente controlado e com medidas exatas, resultado em uma velocidade maior de produção. Com a estrutura modular, você tem certeza que vai realizar uma obra com valor certo e líquido do começo ao fim”, enfatizou.

Ao prefeito Dr. Pessoa, o gerente garantiu que, caso ganhe a licitação, poderá entregar até 15 estruturas diferentes (entre escolas, creches, bibliotecas, centros de convivência, etc) até o aniversário de Teresina, em agosto. “Após a parte burocrática, podemos entregar tudo em 90 dias”, afirmou Douglas. Os projetos da empresa podem incluir desde a preparação do terreno até a instalação dos equipamentos necessários para o início das atividades no local.

Pedagogos(as) da Rede Municipal se reúnem no I Encontro Formativo de 2023

Coordenadores pedagógicos da Rede Municipal de Ensino participaram, na manhã desta quinta-feira (26), do I Encontro Formativo de Pedagogos(as) da Rede Municipal de Teresina. O dia foi dedicado aos profissionais que trabalham com a Educação Infantil. Amanhã (27), o encontro será para o Ensino Fundamental.

A palestra principal levou a temática “O fazer e o ser docente: um ensaio teórico crítico de um contexto real da permanência do docente na profissão”, proferida pelo professor Gilmar Mendes, que compõe a equipe de Formação da Secretaria Municipal de Educação (Semec). Também teve espaço para homenagens à Magda Soares, que deixa um legado principalmente na área da alfabetização. Para finalizar, Gersianne Martins, pedagoga da Rede, falou sobre a importância da socialização de práticas pedagógicas entre as unidades de ensino.

O secretário executivo de Ensino, Reinaldo Ximenes, exaltou o papel dos coordenadores pedagógicos de Teresina e destacou a importância do Encontro Formativo para o novo ano letivo. “Esse é um momento de aprendizagem e troca de saberes, ganhando fôlego para iniciar um ano repleto de boas práticas”, pontuo Ximenes.

Para o secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, a qualidade da educação de Teresina tem relação direta com a dedicação das equipes escolares. “E isso passa pela atuação dos pedagogos e pedagogas da Rede, que estão em constante movimento para garantir uma rotina escolar eficiente e o melhor aprendizado aos nossos alunos. Esse Encontro é uma troca necessária para a manutenção dessa qualidade”, conclui Nouga.

Unidades de ensino da Rede Municipal na zona Norte receberão reparos na estrutura

Retomando a programação de visitas diárias às unidades de ensino da Rede Municipal de Teresina, o secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, esteve em escolas da zona Norte nesta quarta-feira (25). Nouga foi acompanhado de uma equipe da Secretaria Municipal de Educação (Semec), a fim de avaliar as condições de infraestrutura e planejamento pedagógico das unidades, ouvindo as ideias das equipes escolares.

No CMEI Professora Helena Maria de Carvalho, bairro Itaperu, pequenas reformas serão feitas para melhor atender os 165 alunos distribuídos nas turmas de Maternal ao II Período. A demanda é a mesma no CMEI José de Fátima de Sousa Bezerra, localizado no bairro Buenos Aires, que ganhará nova pintura, reparos no piso e um refeitório mais acessível.

Já na Escola Municipal Galileu Veloso, no bairro Alto Alegre, a principal novidade para este ano deve ser a reestruturação das salas de leitura e música. Esses são espaços já adorados pelas crianças e agora terão um aspectos mais lúdico.

“A ideia é utilizar tapetes, almofadas, grafitagem, tudo para transformar em ambientes mais dinâmicos, atraindo as crianças para atividades de leitura, bem como para as aulas de música. Esses espaços são ricos de aprendizagem e os ajustes podem contribuir bastante, chamando a atenção dos alunos”, disse a diretora Mauriane Barbosa.

Segundo o secretário, professor Nouga Cardoso, as visitas ajudam a garantir uma parte importante da qualidade da educação municipal. “A estrutura física da escola interfere no desempenho dos alunos, por isso estamos sempre atentos às necessidades apontadas pelas equipes escolares, buscando agilizar os reparos. Nesse momento, as unidades de ensino se preparam para o início do ano letivo e é preciso garantir que os alunos sejam bem recebidos”, pontua Nouga.

Alunos finalistas da OBSAT recebem apoio da Semec

Alunos do Cidade Olímpica Educacional, da Rede Municipal de Ensino de Teresina, estão na 4ª fase, ou seja, na fase final da Olimpíada Brasileira de Satélites (OBSAT MCT). Essa é uma competição científica de abrangência nacional, concebida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, e organizada pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) em conjunto com a Agência Espacial Brasileira (AEB/MCTI), o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE/MCTI) e a Escola de Engenharia de São Carlos (EESC), da Universidade de São Paulo (USP).

Neta etapa, o grupo deve apresentar os resultados da 3ª fase e mostrar as novidades para a grande final de acordo com os critérios que foram estabelecidos pela organização da Olimpíada. Haverá uma apresentação de todos esses resultados entre março e abril na cidade de Alcântara, no Maranhão.

A Secretaria Municipal de Educação (Semec), por meio do secretário executivo de Ensino, professor Reinaldo Ximenes, vem acompanhando e apoiando os resultados obtidos em todo o processo da competição. Ximenes garantiu apoio da Secretaria desde o planejamento, passando pela construção do CanSat, programação, testes e lançamento regional. Agora, a equipe avança para o lançamento nacional.

Os alunos, sob orientação do professor Edward Montenegro, estão preparando um relatório sobre o trabalho que busca medir as radiações ultravioleta na segunda camada atmosférica, bem como a situação de gás ozônio em determinado local da região nordeste.

CMAM promove semana de formação de seus servidores

Até o dia 31 de janeiro, o Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar (CMAM) está promovendo uma semana de formação de seus servidores. O objetivo é promover uma atualização e a melhoria do trabalho antes do início do ano letivo.

Como explica a diretora Daniela Escórcio, a formação é voltada para os trabalhadores do CMAM e é realizada todos os anos antes do início das aulas na rede municipal de ensino, público alvo do serviço. “Os palestrantes são os próprios funcionários do CMAM, em áreas como psiquiatria, neuropediatria, serviço social, fonoaudiologia e psicopedagogia”, conta.

Dentre os temas abordados, estão o atendimento de transtornos do aprendizado, os projetos desenvolvidos pelo CMAM, resultados do ano de 2022 e planos para 2023.

O CMAM funciona a partir de uma parceria da Fundação Municipal de Saúde (FMS) com a Secretaria Municipal de Educação (Semec). O objetivo é prestar serviço para crianças e adolescentes com transtornos e dificuldades de aprendizagem para que tenham um melhor desenvolvimento das habilidades cognitivas, sociais e emocionais. As crianças e adolescentes recebem dois tipos de atendimento: médico, neuropediatra e psiquiatra e o atendimento terapêutico, com psicólogos, psicopedagogos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e assistentes sociais.

Semec é destaque com a melhor educação entre as capitais em jornada educacional na Bahia

Representando a Secretaria Municipal de Educação (Semec), a gerente de Educação Infantil Marinalva Sena está participando da I Jornada Pedagógica da Educação Infantil, que acontece na cidade de Senhor do Bonfim (BA).

Com o tema central do encontro voltado aos “Desafios Contemporâneos da Educação”, o evento tem como público-alvo docentes de redes municipais. A programação conta com palestras proferidas por grandes profissionais da educação do Brasil inteiro, que apresentam suas experiências e histórias de vida voltadas para as crianças.

De acordo com a professora Marinalva Sena, o evento está sendo uma oportunidade para trocas de experiências. “Durante nossa apresentação, a Semec foi parabenizada por alcançar altos índices no IDEB. Somos o primeiro lugar entre as capitais do país e isso chama muito atenção. Nos perguntaram qual o segredo para alcançarmos resultados tão bons, então falei que se deve à dedicação dos professores, aos nossos alunos que têm alcançado excelentes índices e aos incentivos que recebemos para sermos a melhor”, ressalta Marinalva. “Nossa educação é vista como referência e é extremamente gratificante ver como respeitam a educação pública de Teresina”, acrescenta a gerente de Educação Infantil.

“O encontro ajuda a alinhar as práticas educacionais dos professores, bem como desperta a consciência de que a educação e nós educadores podemos mudar o mundo”, finaliza a gerente.

Semec anuncia inscrições para novas turmas de Libras voltadas para servidores municipais

Com o objetivo de proporcionar um atendimento de qualidade a todos os usuários do serviço público municipal, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) vai abrir inscrições, no dia 30 de janeiro, para o Curso de Formação em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O curso é gratuito e voltado para servidores municipais de áreas diversas, como educação, saúde, transporte, entre outros. Serão ofertadas 210 vagas distribuídas nos níveis Básico, Intermediário e Avançado, com aulas de março a julho, no Centro de Formação Professor Odilon Nunes. No segundo semestre, a Semec também deve lançar uma turma de Libras Conversação.

De acordo com Cassia Dias, coordenadora de formação inclusiva, o curso consiste na capacitação, qualificação, formação e aperfeiçoamento profissional. “Estamos montando novas turmas de Libras para formar cada vez mais profissionais aptos à atender as demandas da comunidade surda no âmbito escolar e social. Queremos contribuir para a melhoria da comunicação dos nossos alunos e seus familiares em todos os órgão públicos municipais”, informa Cassia.

As inscrições serão realizadas por formulário eletrônico disponível no site da Semec, com anexo de um único arquivo em PDF que reúne os documentos: carteira de identidade; CPF e contracheque atualizado.

Professores da Escola Municipal Jornalista João Emílio Falcão participam de palestras

Visando proporcionar uma atividade diferente para seus professores e apoiar a prática pedagógica dos docentes, motivando-os no exercício diário da profissão, a Escola Municipal Jornalista João Emílio Falcão realizou uma série de palestras motivadoras.

Na oportunidade, fizeram uma avaliação de todo o ano letivo, com pautas pedagógicas, e ao final palestras com temas variados, como: linguagem assertiva e saúde emocional do professor.

O momento foi importante para cuidar do emocional dos professores e apresentar linguagens que facilitem a afetividade entre eles, os alunos e as família, além de contribuir para essa aproximação.

O grupo conversou sobre a necessidade de compreensão de cada indivíduo em suas particularidades, enfatizando a necessidade de cada membro da comunidade escolar se conhecer melhor e exercitar a empatia com o outro.

“Muito importante a realização de atividades como esta, pois contribuem para o processo de avaliação e auto avaliação dos nossos colegas profissionais. Só enriquece a práxis”, disse Silvana Sampaio, coordenadora pedagógica da escola e ministrante das palestras.

 

Matrículas abertas para Educação Infantil na Rede Municipal de Teresina

Teve início nesta segunda-feira (23) o período de matrículas para novos alunos nas unidades de ensino da Rede Municipal de Teresina. Este ano, 64 escolas também estarão com inscrições online, permitindo aos pais ou responsáveis efetivar todo o processo sem sair de casa, por meio do sistema Sigma Online.

 

Inicialmente, as vagas são destinadas ao público da Educação Infantil. A partir do dia 30 de janeiro também estarão liberadas as novas matrículas para o Ensino Fundamental, do 1º ao 9º ano. Outra novidade da Secretaria Municipal de Educação (Semec) foi a liberação das vagas de Maternal I e Maternal II ainda no mês de janeiro, antecipando a formação de turmas para uma das maiores demandas educacionais do município.

No Centro Municipal de Educação Infantil Vila Mariana Fortes, zona Sudeste, o fluxo de pais foi intenso na manhã do primeiro dia de matrícula. A diretora Joselene Fontinele conta que organizou a equipe para receber e informar toda a comunidade sobre as etapas de inscrição.

“Temos recebido muitos pais para realizar a matrícula e também para informações, tudo dentro da normalidade, nos preparamos para atender essa demanda”, disse a gestora.
No CMEI Luterano, localizado na zona Sul de Teresina, o cronograma também corre como o esperado. “Demos agilidade ao processo logo nas primeiras horas do dia, mas ainda temos vagas para serem preenchidas, priorizando sempre as crianças da região”, conta a diretora Ana das Neves.

Para efetivar a matrícula é preciso apresentar carteira de trabalho ou recibo de pagamento ou contracheque ou declaração do empregador (cópia) ou autodeclaração de empregado; comprovante de residência com CEP; cartão do programa bolsa família (cópia); cartão de vacina (cópia); cartão do SUS (cópia); e certidão de nascimento da criança.

 

#nome{ width: 49%; float: left; }